MEMÓRIAS DE UM REPÓRTER (DO INTERIOR)


NOVO BLOG

Estamos em novo endereço: www.altinocorreia.blogspot.com



Escrito por Altino Correia - Repórter às 07h43
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




 
 

SANTO ANASTÁCIO PREPARA UMA
NOVA FEIRA DO BORDADO / FEBISA

Como vem fazendo todos os anos, a cidade de Santo Anastácio vai promover de 12 a 16 de Outubro a 23ª FEBISA – Feira do Bordado Industrial e Artesanato – a ser realizada no Centro Comunitário “Dr.Sebastião Ribeiro do Amaral”, à Rua Voluntários de 32, nº. 780. A mostra se consolidou como a pioneira da região, oferecendo ao mesmo tempo excelentes oportunidades às pessoas interessadas em adquirir Enxovais para noivas e bebê, bolsas e artesanato em geral.

O evento tradicional é uma realização da Prefeitura Municipal de Santo Anastácio, com o apoio direto do Prefeito Roberto Volpe e seu Secretariado, da Câmara,Associação Comercial e SEBRAE. A abertura da FEBISA está prevista para as 09h00 da manhã do dia 12 de Outubro. Em seguida haverá apresentação da Banda Mirim.

A Coordenadora da Promoção, Sônia Maria Stelato informou que 25 mulheres estão empenhadas nesse trabalho artesanal há mais de três meses, tendo produzido cerca de 2.000 peças que serão expostas e colocadas à venda no período da Feira. O acesso é muito fácil para os visitantes, pois situa-se à logo à entrada da cidade (à direita).


Sônia Maria Stelato, acompanha pessoalmente o trabalho das bordadeiras que já produziram para a próxima FEBISA nada menos que 2.000 peças de enxovais e artesanato.


O Prefeito Roberto Volpe está proporcionando todo o apoio necessário à realização da 23ª. FEBISA - um evento que dignifica a cidade - colocando-a em posição de vanguarda na área regional.



Categoria: Notícias
Escrito por Altino Correia - Repórter às 18h44
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




 
 

HIDROVIA TIETÊ-PARANÁ VAI EXTENDER
SEUS BENEFÍCIOS ATÉ PRESIDENTE EPITÁCIO

Em sua visita à cidade de Araçatuba/SP juntamente com o Gov. Geraldo Alckmin, a Pres.Dilma Rousseff presidiu o ato de lançamento do Estaleiro Tietê e anunciou a implantação de Centros coletores do Etanol em três pontos importantes do oeste de São Paulo: Araçatuba, Aparecida do Taboado e Presidente Epitácio. O protocolo de intenções estabelece que os investimentos federais (900 milhões) e estaduais (600 milhões) serão administrados pelo Departamento Hidroviário do Estado de São Paulo.

Esses recursos – com liberação inicial de 1,5 milhão – serão destinados ao Projeto de modernização e ampliação de 800 km da Tietê-Paraná num trecho de 2.400 km de hidrovia, que no decorrer deste ano transportou 5.776 milhões de toneladas de carga. Prioridade para o escoamento da safra de milho, soja, óleo, madeira, carvão e adubo. Em Araçatuba, está prevista a construção de 80 barcaças, 20 empurradores para compor uma frota inicial de 20 comboios hidroviários.

Pelo que se informa, o transporte hidroviário com esses novos recursos em fase de implantação no Oeste Paulista vai beneficiar extensa área e sua implantação deverá ocorrer nos primeiros meses do ano de 2013. O Projeto é financiado com recursos do PAC 2 (Programa de Aceleração do Crescimento) e integra o Promef-Hidrovia, que é um projeto da Petrobras inspirado nos moldes do Programa de Modernização e Expansão da Frota, responsável pelo ressurgimento da indústria naval brasileira.

A Presidente Dilma declarou na oportunidade que a instalação do Estaleiro e dos Centros coletores e combustíveis em Presidente Epitácio, Aparecida do Taboado e Araçatuba representam um compromisso que ela pessoalmente assumiu. Com precisão ela frisou: “isso ocorreu há um ano e meio, ou seja: quando ocupava o cargo de Ministra-Chefe da Casa Civil do Governo Lula, em Março do ano passado”.


Em Araçatuba, a Pres.Dilma Rousseff – juntamente com o Gov.Geraldo Alckmin – e outras autoridades, presidiu o ato de lançamento do Estaleiro Tietê para implantação de centros coletores de Etanol em 3 localidades do Oeste Paulista.



Categoria: Informes
Escrito por Altino Correia - Repórter às 23h56
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




 
 

RUAS DE PRUDENTE PASSAM
POR NOVO RECAPEAMENTO

A cidade de Presidente Prudente está recebendo obras de recapeamento que já beneficiaram a área central e inumeros bairros da periferia. Trata-se de um trabalho bem produzido com elogiosas referências, não só da população, mas principalmente por parte dos visitantes. Os recursos disponibilizados para esse investimento em parte vieram do Governo Federal - através de parceria com o Ministério das Cidades - e alcançam na etapa inicial a soma total de 15 milhões de reais. Outros 23 milhões serão investidos no recapeamento até o final da atual administração, cobrindo o equivalente a 40% da área urbana.

O início dos trabalhos se deu na Avenida 11 de Maio, no Parque do Povo, onde foi eita a recuperação da malha viária urbana. Foi uma empreitada de 600 mil metros quadrados de vias públicas (ruas e avenidas), com o prefeito Milton Carlos de Mello ‘Tupã’ e o vice-prefeito Marcos Vinha presentes no local. Ambos subiram em uma das máquinas da Demop Participações Ltda (empresa de Votuporanga ganhadora da licitação), anunciando assim o início do recape que se dará com asfalto a quente.

O procedimento - segundo chefe do Executivo - possibilita maior durabilidade em relação a outros tipos de asfaltamento. “É mais caro, mas de uma durabilidade bem maior que o asfalto a frio. Essa é uma verba que conseguimos junto ao governo federal, proveniente de fundos perdidos. Ou seja: a Prefeitura não vai pagar por isso. É um trabalho que devemos muito ao deputado federal Cândido Vaccaraezza [PT] que nos ajudou muito nesse sentido”, adianta.

Na ocasião, o chefe do Executivo lembrou que outras localidades também foram beneficiadas na primeira etapa do recapeamento. Entre elas toda a área central que inclui as Vilas: Dubus, Machadinho e Marcondes, os jardins Aviação, Everest, Santa Elisa e São Paulo, bairro São Geraldo, distrito industrial, além de avenidas isoladas como a Brasil, Celestino Figueiredo, avenidas 14 de setembro e 11 de maio no Parque do Povo, Ademar de Barros e Avenida Salim Farah Maluf.

Enquanto se agiliza o trabalho em todas as frentes, diz o Prefeito:“Uma obra muito importante e que resulta de reivindicação antiga da população. Hoje possuímos uma cidade quase 100% pavimentada. A população cobrava a benfeitoria do recapeamento. Estamos apenas começando, tendo atingindo num primeiro momento 600 mil metros quadrados de pavimentação a quente. Paralelamente a isso está sendo executado asfalto a frio por parte da Prudenco [Companhia Prudentina de Desenvolvimento], como o objetivo de melhorar cada vez mais a infraestrutura da cidade".

O Prefeito Milton Carlos de Mello (que é Engenheiro Civil), disse ainda: "Esperamos até o fim do nosso mandato, que pelo menos 40% da cidade de Presidente Prudente esteja totalmente recapeada”. Ainda de acordo com Tupã, as melhorias são possibilitadas visando atender os anseios da população até então descontente com a quantidade de buracos e qualidade do asfalto em alguns pontos da cidade. “Eu tenho a absoluta certeza que nunca na nossa cidade tivemos um volume tão expressivo de metragem quadrada de recapeamento. Sabemos da necessidade, que nossa malha viária é antiga, mas estamos trabalhando no sentido de oferecer melhores condições tanto para os moradores como para quem faz uso dela por meio de veículos”, destacou.

Por sua vez, o vice-prefeito Marcos Vinha lembrou que a cifra inicial prevista para a primeira etapa da empreitada com asfalto a quente, faz parte dos R$ 38 milhões buscados pela atual gestão junto ao Governo Federal. “Tivemos por várias vezes em Brasília, conseguimos o recurso e ele veio em boa hora. Então quando você tem parceiros, que nesse caso é o Governo Federal, e tem deputados nos ajudando, como o Vaccarezza que é do meu partido, ficamos muito felizes. Temos muito a agradecer a eles e aos nossos Secretários que foram muito ágeis na elaboração desses projetos”, ressaltou.


As ruas de Pres. Prudente, desde o centro até os bairros mais distantes estão recebendo excelente recapeamento asfáltico.


Em qualquer área da cidade, os veículos trafegam suavemente e a maioria dos visitantes têm elogiado a qualidade do asfalto utilizado pela Prefeitura nas Obras de recapeamento asfáltico, a quente ou a frio.



Categoria: Informes
Escrito por Altino Correia - Repórter às 23h53
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




 
 

OS FATOS ACONTECEM

Promoções do período

Este período do ano é carregado de promoções em todos os sentidos. Todos os dias surgem novidades representadas por eventos culturais, artísticos e de natureza social e ambiental. As festas então fazem parte do Calendário permanente da cidade e região, especialmente no tocante aos eventos agropecuários, religiosos e festivais populares com renomados shows musicais e teatrais. Foi uma sequência natural que durou praticamente dois meses. E agora, com a chegada da Primavera – que vai até o dia 21 de Dezembro – mais festas e muitas flores da Estação, coincidindo com as Festas de final de ano.

Empresários de Prudente investem!

De Campo Grande/MS, o brilhante jornalista Montezuma Cruz (nascido em Presidente Prudente) nos manda duas fotografias diretamente da Serra da Bodoquena, onde esteve realizando trabalho jornalístico para o Correio do Estado. O que mais chamou sua atenção foram os investidores: empresários de sua terra natal. Um deles (Quartin Barbosa) é proprietário da Fazenda transformada em Estância Turística. Na mesma área se desenvolvem trabalhos de prospecção e busca de minérios de ferro. E o empresário responsável pela Mineradora é também de Presidente Prudente. Veja fotos.

As frutas da época

País de clima tropical, o Brasil produtos frutos de todas as espécies. Os mais apreciados nem sempre são produzidos na região; consequentemente são trazidos por distribuidoras especializadas para comercialização no Ceasa e daí têm destino certo: entrega pelos revendedores aos estabelecimentos comerciais que se dedicam à venda no varejo, ou mesmo em bancas espalhadas por toda a cidade. Morangos, Laranjas, Abacaxi; Banana e Poncan, são considerados frutos da época. Por isso, custam menos! Veja só, como está a Poncan deste final de safra: um dos frutos chegou a pear 362 g. Novidade?

3ª. idade é a principal vítima

De uns tempos para cá, as pessoas idosas (que deveriam merecer o maior carinho e atenção dos semelhantes), passaram a ser vítimas de golpes sob pretexto de facilitar a vida dos mais necessitados. Por isso, tornou-se comum o oferecimento de empréstimos a longo prazo `a essa valorosa categoria que tanto deu de si em benefício dos demais, sacrificando muitas vezes suas economias para resolver problemas de terceiros, da própria família. Agora é o Procon que está alertando: Cuidado com as facilidades decorrentes de empréstimos oferecidos pela maioria das Financeiras. Por isso, a Diretora Ana Paula, está elaborando uma Cartilha para distribuir a todos os idosos, orientando-os sobre esse risco.

Um bom churrasco que agrada!

Os apreciadores de um bom churrasco têm sempre uma nova oportunidade para participar das festas – beneficentes ou não – que são realizadas com muita freqüência em toda a região. No mês de Agosto, os churrasqueiros especializados promoveram um evento de natureza gastronômica que reuniu centenas de famílias. E o Cardápio escolhido foi o “Costelão na tábua” que um grupo de churrasqueiros preparou especialmente, tendo como complemento: mandioca, vinagrete e farofa. Foi uma delícia admirável e elogiável!

Doces e sobremesas na festa

Quem participou da Festa da Padroeira (na Paróquia Mãe da Igreja), pode saborear a mais completa variedade de doces, preparados durante vários dias pelas Senhoras integrantes das diversas Pastorais. A Barraca dos doces e sobremesas foi uma das mais visitadas durante as duas noitadas de festa. Como resultado: nada sobrou e o saldo financeiro em prol das obras sociais da Paróquia, foi bastante expressivo.

Uma planta pouca conhecida

Nos jardins que circundam meu Condomínio no “Parque dos Pássaros” em Presidente Prudente, surgiu uma planta exótica pouca conhecida. O que mais chamou a atenção dos moradores foi a florada, completamente diferente das demais; e que chegou a durar cerca de duas semanas. Na mesma área de paisagismo existem outras espécies dessa mesma planta, mas que nunca mostraram sua florada. Esta a que nos referimos, segundo diz o Sr.Amaurí Fernandes - o Jardineiro do Condomínio – é conhecida como “Agávia”e sua florada só aparece depois de três anos de existência e até mais, dependendo das condições do tempo e do solo.

Uma chaminé que tem história

Agora que a antiga Estrada de Ferro Sorocabana está sendo reativada em parte, para o transporte de cargas pela América Latina Logística – ALL – tornou-se mais visível a imagem de uma Chaminé que representa importante marco histórico no desenvolvimento industrial de Presidente Prudente. Essa Chaminé identificou por muitos anos a SANBRA – Sociedade Algodoeira do Nordeste Brasileiro – que aqui funcionou por muitos anos na industrialização do algodão e na produção de Óleos vegetais. Desativada – com amplas instalações e barracões cobertos – teve seu acervo negociado com uma empresa de Engenharia. Os barracões estão sendo desmontados, mas a Chaminé deve ser preservada.

Umidade do ar em níveis críticos!

Bem antes da chegada da Primavera – com clima de inverno – em pleno Outono, a umidade relativa do ar na região de Presidente Prudente atingiu níveis críticos nos últimos dias. As oscilações foram constantes, chegando até 12% e a intensidade de raios Ultravioleta chegou a 8/8. Na maioria das vezes, o índice declinou vertiginosamente, de 80 para 50% e daí, para 30 ou 25% e até menos, o que evidencia estado de Atenção e até estado de Alerta. Os Hospitais registraram aumento de procura por tratamento de doenças respiratórias e de forma lamentável, os incendiários agiram livremente fazendo queimadas em vários pontos da periferia.

Trânsito continua exigindo ação

Embora a área do quadrilátero central da cidade de Presidente Prudente, tenha a presença constante de policiais e agentes de trânsito para punir os infratores da Zona Azul e outros setores, está faltando maior atenção aos veículos que burlam a vigilância por não oferecer condições de segurança ao tráfego. Tornou-se constante verificar, a exposição de cargas perigosas sem a devida sinalização como exige o Código Nacional de Trânsito. Como alerta, reproduzimos duas fotos em pontos diferentes da área urbana, onde os veículos transportam produtos em condições totalmente inseguras – sem a sinalização devida – com bandeirolas ou qualquer peça de cor vermelha

Apae de Venceslau faz parceria

A Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais – APAE – de Presidente Venceslau firmou parceria com o Lions Clube, a fim de melhorar o atendimento à sua comunidade. E o primeiro trabalho de destaque foi a realização da Semana Nacional de Prevenção da Deficiência Intelectual e Múltipla. O trabalho inicial consistiu na realização de exames de prevenção do diabetes, tomada de pressão arterial e índice de massa corpórea. No decorrer deste mês, duas visitas ilustres foram registradas: a do Dep.Estadual Sérgio Olimpio (que é natural de Presidente Venceslau) e da Patrona da Instituição, Sra. Sebastiana Soares Abegão. (Veja fotos).



Categoria: Informes
Escrito por Altino Correia - Repórter às 23h42
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




 
 

NO ANFITEATRO DO SENAC:
ENCONTRO DE RADIALISTAS

Nos primeiros dias do mês passado estiveram reunidos no Anfiteatro do SENAC em Presidente Prudente, os principais radialistas da cidade e região, especialmente para debater assuntos de interesse da classe. O evento tornou-se possível, porque marcou o encerramento de mais um curso promovido pela instituição e reuniu antigos e novos componentes da classe, que foram prestigiados por renomados profissionais da área de comunicações.

A iniciativa desse encontro se deve à Elaine Gomes, mediadora da discussão e docente coordenadora do curso de Técnico de Radialista, do SENAC de Presidente Prudente. Em atenção ao seu convite, compareceram diversos profissionais de Rádio com atuação nas Emissoras de AM/FM em Presidente Prudente e outras cidades da alta sorocabana e nova alta paulista.

Na mesa principal, os seguintes membros: Ricardo Barcellos, locutor e produtor de programas de radio; William Fernandes,empresário, locutor, publicitário e produtor de áudio; Luciano Reis, locutor e coordenador da 98 FM;Giuliano Panvéchio, Diretor de Jornalismo da Rádio Clube de Osvaldo Cruz; João Carlos Dias, Gerente comercial da Rádio Globo e Rádio Diário/AM e Adilson Bianchi; Assessor do Sindicato dos Radialistas.


Nesse encontro realizado no Anfiteatro do SENAC em Presidente Prudente, compareceram renomados profissionais de Rádio – AM e FM – envolvidos como membros da mesa.


A conclusão de um novo curso de Radialista, possibilitou o comparecimento de um grande número de profissionais de rádio militantes ou não, mas preparados para qualquer eventualidade.



Categoria: Informes
Escrito por Altino Correia - Repórter às 23h09
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




 
 

REALIZADO NA FCT/UNESP O
15º FÓRUM MUNICIPAL DO IDOSO

No último final de semana, realizou-se no Campus da Unesp em Presidente Prudente o 15º Fórum Municipal do Idoso, através de parceria da Faculdade de Ciências e Tecnologia e Prefeitura, representada pela Secretarias de Assistência Social, Saúde, Educação e Conselho Municipal do Idoso. Os trabalhos foram desenvolvidos no Auditório V, com abertura oficial às 08h00 do dia 16 de Setembro, composição da mesa e cântico do Hino Nacional Brasileiro. A seguir, apresentação artística com o Grupo de Dança “Alegria de Viver”, Projeto Idoso Feliz e participação da Profª. Márcia Rosa Dias. O cerimonial foi conduzido pelo casal Celina/João Afonso.

A partir das 08h30 houve palestra ministrada pelo Promotor Mário Coimbra, do Ministério Público do Estado de São Paulo, que discorreu sobre: “O compromisso que todos devem ter com a pessoa idosa”. Seguiu-se mesa redonda, tendo a participação dos Secretários Municipais de Assistência Social (Regina Penatti); Saúde (Dr.Sérgio Cordeiro); Educação (Prof.Ondina Gerbasi); MPE (Dr.Mário Coimbra); Coordenadoria Regional do Idoso (Maria José de Souza); Delegacia de Proteção ao Idoso (Dr.Arnaldo Gonino) e Kátia Guímaro (Vereadora).

O tema em debate na Mesa redonda versou sobre: “O que temos e o que falta para um atendimento digno do idoso(a)” que a assistente social, Denise de Souza – do Conselho Municipal do Idoso – define:

1º.) - Comprometimento da Sociedade Civil e do Governo, com o envelhecimento de qualidade;

2º.) - População não recebe recursos, nem disponibilidade de serviços;

3º.) - A qualidade, capacidade e habilidades do idoso são ignoradas;

4º.) - Ações como este Fórum – deveriam ser permanentes – com a participação do Conselho Municipal do Idoso;

5º.) - Projetos, ações, propostas de intervenção e criação de serviços.

Da programação especialmente elaborada para o 15º Fórum Municipal do Idoso, destaque para uma apresentação cultural com o Grupo de Dança do Ventre – UNATI/UNESP, às 10h30; Informes e Orientação da CMI, com Maria Madalena Ortega Araujo, Conferência Regional da Pessoa Idosa, com Denise Cassiana F.Souza e Solange Andrés Morrone, da Delegacia de Polícia de Proteção ao Idoso. Mensagem final com Maria Imaculada Velasques, às 11h30 e Encerramento, às 12h00.

As reuniões do Conselho Municipal do Idoso são realizadas em Presidente Prudente, toda primeira 3ª. feira do mês na sede da Instituição (Sala do Conselho), à Avenida Cel. José Soares Marcondes, 415 - Vila Maristela - acima da ÁPEA, na Vila Maristela. Telefone: (18) 3222-3221


O Fórum do Idoso, realizado no Campus da FCT/UNESP realizou este ano Importantes trabalhos como forma de apoio e orientação à terceira idade.Importantes temas Fizeram parte da programação especialmente elaborada.


Grande número de idosos lotou as dependências do Auditório V para ouvir a palavra de várias personalidades,especialmente convidadas.Entre elas, o Promotor de Justiça Dr.Mário Coimbra,representando o Ministério Público Estadual.



Categoria: Informes
Escrito por Altino Correia - Repórter às 23h01
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




 
 

VEREADOR PROPÕE: DISTRIBUIÇÃO
GRATUITA DE MUDAS DE CITRONELA

Preocupado com a situação de agravamento da Dengue, o Vereador Aparecido Lourenção (Cidinho), propôs através de Projeto de Lei nº 735/15 na Câmara Municipal, o fornecimento gratuito à população de mudas ou sementes de Citronela (Cymbopogon Winterianus) e Crotalária Junea, como alternativas naturais de combate ao mosquito “Aedes Aegypti”. O documento já passou pelas Comissões Técnicas e aguarda parecer final. O que não se justifica é que os nossos representantes cruzem os braços ou se omitam, dificultando essa ação tão importante, sem onerar a população.

De acordo com a proposta do Vereador, a Campanha visa incentivar o plantio das leguminosas Citronela e Crotalária. A iniciativa contaria com a liderança da Secretaria Municipal de Saúde, mediante visitas domiciliares, reuniões e mutirões para esclarecer a importância dessa ação contra os mosquitos transmissores da Dengue. Como justificativa: tratam-se de plantas simples e de fácil adaptação em qualquer tipo de solo (repelente natural), com efeitos altamente positivos no combate aos mosquitos que vem causando os mais sérios e graves problemas à saúde da população.

Ao mesmo tempo - sugere o Vereador Cidinho - que seja envolvida na Campanha, a Secretaria Municipal do Meio Ambiente, que passaria a se responsabilizar pela distribuição das sementes ou mudas das plantas recomendadas como repelentes de insetos. A plantação ficaria restrita às áreas públicas, em fundos de vales, praças, canteiros centrais e outros pontos da periferia.

Cidinho Lourenção é de opinião que as plantas por ele recomendadas não causam dano algum à saúde humana, não havendo mesmo qualquer referência à reações alérgicas. O eventual uso da Citronela e da Crotalária no combate à Dengue em Presidente Prudente, não pode justificar a dispensa de cuidados básicos, tanto de parte dos moradores como do Poder Público, a fim de eliminar possíveis focos de mosquitos em ambientes domésticos e áreas públicas.


Citronela é uma planta similar ao “Capim Santo” que encontra fácil adaptação em qualquer tipo de solo. Plantada em quintais, jardins ou áreas públicas se desenvolve em poucos meses. Serve também como planta decorativa.


O Vereador Cidinho Lourenção, de Presidente Prudente se empenha por uma Campanha em favor do plantio de Citronela, em mudas ou sementes. E lembra que não podemos ficar de braços cruzados, ante as conseqüências da contaminação pelo “Aedes Aegypti”.



Categoria: Informes
Escrito por Altino Correia - Repórter às 22h01
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




 
 

XV CONGRESSO BRASILEIRO
DE DIREITO DO TRABALHO RURAL

Nos dias 06 e 07 de Outubro, o Tribunal Regional do Trabalho da 15ª Região com sede em Campinas (SP), promove em Presidente Prudente, o XV Congresso Brasileiro de Direito do Trabalho Rural, o qual discutirá em cinco painéis, temas relevantes ligados ao campo. Entre eles, Novas Tecnologias e suas Influências nas Relações de Trabalho Rural, Meio Ambiente do Trabalho no Campo, Questões Processuais Relativas às Demandas Trabalhistas Rurais, Aspectos Polêmicos do Direito do Trabalho Rural, Cenários do Trabalho Rural e Convenções Coletivas e Instrumentos de melhoria das condições de trabalho rural. As inscrições já estão abertas.

Direito do Trabalho Rural: Trata-se de um evento considerado pioneiro do gênero no País. As inscrições para o XV Congresso Brasileiro de Direito do Trabalho Rural é promovido pelo Tribunal Regional do Trabalho da 15ª Região, com sede em Campinas (SP). O evento realiza-se no Espaço Toledo, em Presidente Prudente. O valor da inscrição varia de acordo com o público e data.

Até o dia 30 de Setembro, servidores da Justiça do Trabalho da 15ª Região e estudantes pagam R$ 45,00. Após essa data, o valor é de R$ 60. Para os demais profissionais e interessados, (até 30/9), o valor será de R$ 90,00, passando a R$ 120 após essa data. O Espaço Toledo tem capacidade para 800 pessoas. O Congresso tem como público-alvo ministros do Tribunal Superior do Trabalho (TST), desembargadores, juízes, procuradores, advogados, sindicalistas, empresários, servidores e estudantes.

Dentre os palestrantes e convidados, já confirmaram presença: o Ministro Antônio José de BarrosLevenhagen, Corregedor-Ggeral da Justiça do Trabalho; Erivelton Fontana de Laat, Doutor em Engenharia de Produção; Norma Sueli Padilha, Advogada e Acadêmica; Alexandre de Souza Agra Belmonte, Desembargador do TRT da 1ª Região (RJ); José Roberto Dantas Oliva, Juiz Diretor do Fórum Trabalhista de Presidente Prudente; Reginaldo Melhado, Juiz Titular da 6ª Vara do Trabalho de Londrina (PR) e Doutor em Direito pela Universidade de Barcelona e pela USP.

E ainda: Marco Antônio César Villatore, Advogado, Pós-Doutor pela Universitádegli Studi di Roma e Mestre em Direito pela PUC-SP; Antonio Thomaz Júnior, Professor, Doutor e Livre-Docente em Geografia do Trabalho pela FCT/Unesp; José Guido Teixeira Júnior, Juiz do Trabalho e Mestre em Direito; Fernando Eizo Ono e Márcio Eurico Vitral Amaro, Ministros do Tribunal Superior do Trabalho; Eneida Melo Correia de Araújo, Desembargadora do TRT da 6ª Região (PE); e Fábio de Salles Meirelles, Presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de São Paulo (Faesp).

Os desembargadores do TRT da 15ª que vão participar como apresentadores ou palestrantes dos cinco painéis do evento são Renato Buratto, Presidente do Regional, Lorival Ferreira dos Santos, Vice-Presidente judicial, José Pedro de Camargo Rodrigues de Souza, decano da Corte, José AntonioPancotti, Diretor da Escola Judicial, Manuel Soares Ferreira Carradita, Presidente da 4ª Turma, e Fernando da Silva Borges.

Organização

O XV Congresso Brasileiro de Direito do Trabalho Rural é uma realização do TRT da 15ª Região, presidido pelo Desembargador Renato Buratto, com apoio da Escola Judicial da Corte e do Instituto Jurídico de Incentivo ao Estudo do Direito Social (Injieds). A Comissão Organizadora do evento é formada pelos Desembargadores José AntonioPancotti, Samuel Hugo Lima, Edmundo Fraga Lopes, Francisco Alberto da Motta Peixoto Giordani e Ana Paula PellegrinaLockmann, além dos Juízes: José Roberto Dantas Oliva, Firmino Alves Lima e PatríciaMaeda. O Congresso conta ainda com o patrocínio da Caixa e do Banco do Brasil e com a colaboração das usinas Batatais, Alto Alegre, Itajobi, Santa Fé, Santa Adélia, Guaíra, Guarani e Santa Maria; da Faesp: do Conselho Intersindical de Presidente Prudente e da Sabesp. Também apoiam o evento a Associação dos Magistrados da Justiça do Trabalho da 15ª Região, a Prefeitura de Presidente Prudente e as Faculdades Integradas “Antônio Eufrásio de Toledo”. Mais informações podem ser obtidas pelo e-mail falecongresso@trt15.jus.br ou por telefone – (19) 3731-1688.


O Juiz Diretor do Fórum Trabalhista de Presidente Prudente José Roberto Dantas Oliva, juntamente com o Desembargador Renato Buratto têm presença assegurada nesse importante Congresso.



Categoria: Informes
Escrito por Altino Correia - Repórter às 21h58
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




 
 

O ÚLTIMO ADEUS AO Pe.CARMELO

Padre Carmelo Mercieca - 74 anos de idade e 46 dedicados ao Sacerdócio - dos quais 30 anos de serviços prestados à Paróquia do Bom Jesus, em Presidente Prudente e Emérito desde 2008. Este é o perfil de um homem voltado à causa religiosa e que deixa saudades. Vítima de cruel enfermidade, ele descansou na manhã de 16 de Setembro e partiu para a “Casa do Pai”. Na despedida, a comunidade diocesana se fez representar, reunindo-se na Igreja Matriz do Bom Jesus para o Velório, Missa de corpo presente concelebrada por Dom Benedito Gonçalves dos Santos (Bispo da Diocese) e o último Adeus ao Pe.Carmelo.

Nascido em 17 de Agosto de 1937 na pequena Ilha de Malta em meio ao Mediterrâneo durante a II Guerra Mundial, o Padre Carmelo Mercieca era membro de uma numerosa família constituída por sete irmãos. Dois deles adotaram e foram consagrados à vida religiosa, seguindo os princípios cristãos dos pais, Joseph e Lucy.

Pe. Carmelo, o primogênito e Pe. Paulo, o caçula vieram para o Brasil. Carmelo em Pres.Prudente desde 1978 e Paulo em Mairinque/São Roque, Diocese de Osasco – ambos exercendo o sacerdócio – e as irmãs: Sor Maria e Sor Geórgia também seguiram a vida religiosa como Freiras. O ingresso deles no Seminário Diocesano de Malta ocorreu quando Carmelo completou 18 anos. Foi lá que ele fez os estudos iniciais, até concluir o curso de Filosofia.

Em 1961, o Arcebispo de Londrina esteve em Malta e convidou cinco Seminaristas para vir ao Brasil a fim de estudar e concluir cursos de Filosofia e Teologia, para trabalhar como Missionários. Ele e outros quatro foram enviados para Curitiba, onde puderam completar os estudos de Teologia. Foi lá também, que Pe.Carmelo conheceu outra figura importante da Igreja na época: Antonio Agostinho Marochi, que era o Padre responsável pela Paróquia Nossa Senhora de Fátima, do Alto Tarumã, a quem passou a ajudar durante os fins-de-semana.

Quatro anos depois, os cinco diáconos de Malta foram ordenados Sacerdotes por Dom Geraldo, Arcebispo de Londrina; e Pe. Carmelo, assumiu sua 1ª. Paróquia do Norte do Paraná: Nossa Senhora das Graças, em Janeiro de 1966. Lá, permaneceu trabalhando durante dez anos até ser transferido para Presidente Prudente, especialmente convidado por Dom Agostinho Marochi, Bispo da Diocese. Em Janeiro de 1978 assumiu a recém-criada Paróquia do Bom Jesus de Pirapora em Presidente Prudente, com atuação destacada até 2008.

Padre Carmelo desenvolveu uma atividade dinâmica em sua Paróquia. Com dedicação cristã exerceu também as funções de Professor do Seminário Menor de Presidente Prudente e Coordenador Diocesano da 3ª. etapa do ECC (Encontro de Casais com Cristo). Sua morte deixa uma lacuna impreenchível pelo carinho e atenção que dedicava a todos que o procuravam. Era uma figura respeitável em todos os locais que visitava, impondo pela seriedade, capacidade, inteligência e respeito ao próximo.


A Igreja Matriz da Paróquia do Bom Jesus em Pres.Prudente, recebeu a mais alta autoridade da Diocese - Bispo e Padres - e Tb a comunidade, p/ seu último Adeus ao Pe.Carmelo.


Pe.Paulo,irmão caçula de Pe.Carmelo, com atuação destacada em São Roque Veio especialmente para participar da Missa de corpo presente,ao lado de Dom Benedito e a maioria dos sacerdotes da Diocese.


Diante da Igreja do Bom Jesus, onde Pe.Carmelo atuou por mais de 30 anos, a Comunidade paroquial se concentrou para acompanhá-lo até sua última morada no Cemitério de São João Batista.


Padres e Bispo da Diocese num aceno como forma de despedida do dedicado e querido Sacerdote que deixa o mundo dos vivos para um novo convívio em outra morada,na Casa do Pai e na glória de Deus-Eterno.



Categoria: Informes
Escrito por Altino Correia - Repórter às 21h53
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




 
 

"PELOS CAMINHOS DAS ÁGUAS"/CBH-AP
CHEGA À ADAMANTINA,TUPÃ E MARÍLIA

A nível regional e sob a coordenação da Profª.Drª. Arlete Meneguette, do Departamento de Cartografia da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Unesp - Campus de Presidente Prudente - o Programa de Educação Ambiental "Pelos caminhos das águas" que vem sendo desenvolvido pelo Comitê das Bacias Hidrográficas dos rios Aguapeí e Peixe (CBH-AP), chegou neste semestre às cidades deAdamantina, Tupã e Marília/SP. Em cada localidade foram realizadas capacitações por meio de Oficinas com a participação de professores e estudantes de 86 comunidade que integram o Comitê de Bacias Hidrográficas.

O objetivo desse programa de Educação Ambiental - segundo a Profª.Drª.Arlete Meneguette - Engenheira Cartógrafa com Pós-Graduação no Exteror, os educadores que participaram dos encontros já realizados na nova alta paulista, envolveram também seus alunos nessa iniciativa. Ela explica que foi convidada pelo Comitê de Bacias Hidrográficas dos rios Aguapeí e Peixe (CBH-AP) a dar continuidade ao Projeto "Pelos Caminhos das Águas, iniciado há quase 10 anos, com recursos do FEHIDRO.

Na primeira versão do projeto em 2002 - diz a Profª.Arlete - produzimos na Unesp um CD-ROM do "Atlas Interativo" com base no "Relatório de Situação de Recursos Hídricos" que foram mostrados na composição das bacias hidrográficas e municípios envolvidos, além da caracterização sócio-econômica e ambiental. Em 2001, produzimos também um Mapa Artístico, um Video (VHS), um Manual para o Professor e uma publicação das melhores práticas em Educação Ambiental. Oferecemos cursos de capacitação, tanto com atividae em campo, quanto em sala de aula, com dinâmicas e vivências.

O kit foi distribuído para as escolas dos 86 municípios que participam doCBH-AP. Naquela ocasião, os mapas foram entregues prontos para os professores, em meio analógico e digital. Disponibilizamos, também, um site com todo o material de apoio didático-pedagógico para download. Em 2011, a proposta é que os próprios professores e estudantes participem da elaboração dos mapas a partir do conhecimento local da realidade. Assim sendo, o foco das nossas oficinas tem sido o mapeamento colaborativo e participativo. Pretendemos capacitar os educadores para que eles possam envolver seus estudantes na iniciativa, usando as novas tecnologias da informação e comunicação, as geotecnologias, as redes sociais etc.

Foram participantes do Programa de Educação Ambiental "Pelos caminhos das Águas", Professores Coordenadores de oficinas pedagógicas da Secretaria Estadual de Educação, juntamente com coordenadores das escolas municipais de cada região da bacia hidrográfica, Secretários Municipais de Meio Ambiente e membros do CBH-AP. Nas localidades que sediaram os encontros regionais, as Oficinas foram divididas em grupos, com 3 turmas envolvendo: Adamantina, Tupã e Marília/SP.

Título da atividade: "Mapeamento Colaborativo e Participativo nas Bacias Hidrográficas dos Rios Aguapeí e Peixe". No período da manhã, tivemos duas palestras e no período da tarde usamos a plataforma de mapeamento colaborativo denominada Wikimapa. (http://wikimapa.org.br/), por ser mais intuitivo e de fácil utilização pelos estudantes. A Profª. Arlete informa ainda que elaborou um tutorial básico que está disponível: https://sites.google.com/site/arletemeneguette/tutorialwiki

O projeto envolve três fases: planejamento, mapeamento e pós-mapeamento. Na primeira fase, foi iniciado o planejamento, com a participação dos representantes do CBH-AP e da Unesp - Campus de Presidente Prudente. O oferecimento das oficinas faz parte do planejamento, pois os participantes podem contribuir na definição das estratégias e táticas. Na segunda fase os capacitadores farão o repasse dos conhecimentos e habilidades adquiridos nas oficinas de modo a favorecer o processo de mapeamento colaborativo utilizando o Wikimapa, com a participação de outros educadores, de estudantes e seus familiares. O resultado dessa ação coletiva será avaliada e contextualizada na fase de pós-mapeamento, na qual será feita uma reflexão conjunta e integrada.

Segundo os representantes do CBH-AP: "A iniciativa demonstra efetivamente as possibilidades de democratização do acesso às novas tecnologias como forma de empoderamento social, capacitando públicos diversos não somente no sentido de socializar o conhecimento produzido na universidade, mas também como democratização da produção do conhecimento (popular e regional)."


A Eng.Cartógrafa, Profª.Drª.Arlete Meneguette realizou importante trabalho em defesa da preservação ambiental e seus recursos hídricos, com palestras em Adamantina, Tupã, Marília e Barra Bonita. Dentre 151 trabalhos apresentados,ela foi premiada como um dos 6 melhores do Estado de SP.



Categoria: Informes
Escrito por Altino Correia - Repórter às 21h46
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




 
 

AUDIÊNCIA PÚBLICA DO PROFESSORADO
NA SEDE DA OAB-SP/ PRESIDENTE PRUDENTE

Tendo como patrono o Deputado Estadual Mauro Bragato, o Professorado da região representado pela Associação de Professores Aposentados do Estado de São Paulo – APAMPESP – se fez presente à Audiência Pública realizada no mês passado na sede da 29ª. Subsecção da OAB-SP – Presidente Prudente. O objetivo não foi outro, senão o de exigir o cumprimento da data-base para o reajuste de reposição salarial, conforme estabelece a Lei 12391/06.

A professora Marinêz Viam Bisachi – que responde pela Diretoria Regional da entidade - usou a tribuna para expor a pretensão da classe. Ao mesmo tempo, entregou pessoalmente a proposta relacionada ao tema da audiência pública, que dentre outras coisas estabelece uma série de providências de âmbito administrativo e jurídico, conforme segue:

1.Correção das distorções da LC 836/97 – Plano de Carreira, quando o Professor Aposentado, com seus direitos referendados no Ato de sua aposentadoria, sofreu perdas significativas. Esta correção está proposta no PLC 31/10, apresentado na ALESP pelo Deputado Mauro Bragato, a quem somos gratos pelo empenho. “Queremos também o empenho dos demais deputados para a aprovação e os recursos para colocá-lo em prática” – frisou.

2.Pagamento imediato dos Precatórios Alimentares, obedecendo à prioridade àqueles que possuem 60 (sessenta) anos ou mais.

3.Contribuição do Governo do Estado ao IAMSPE com sua quota parte de 2% para melhoria no atendimento médico-hospitalar, de forma a proporcionar a todos os servidores públicos um serviço de saúde de primeira qualidade (não temos salário para pagar Planos de Saúde, nem auxílio-saúde).

Ao término da Audiência Pública – bastante prestigiada – a mesa que presidiu os trabalhos informou que todas as propostas mereceram atenção especial; e tiveram o melhor acolhimento possível, para ser encaminhadas diretamente aos setores competentes da Administração Pública do Estado.


A Profª.Marinêz V.Bisachi entregou a proposta de reinvindicação ao Dep.Estadual Mauro Bragato, em nome do Professorado da região.



Categoria: Informes
Escrito por Altino Correia - Repórter às 21h42
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




 
 

BWP: PROJETO COM 600 MUDAS
DE IPÊ ROSA, A NOVA ALTERNATIVA

A BPW Presidente Prudente, uma organização internacional, reconhecida no Brasil como Mulheres de Negócios prepara a implantação de um Projeto que já tem disponíveis 600 mudas de Ipê Rosa. A iniciativa contempla o meio ambiente,e ao mesmo abre novos horizontes para ações sociais que vão beneficiar 600 mulheres. Todas elas são atendidas pelo programa de transferência de renda Bolsa Família, incluindo os filhos: crianças e adolescentes.

Pelas informações da Secretaria Municipal de Comunicação, serão oferecidas oficinas de capacitação para o desenvolvimento de habilidades em artesanato, culinária e trabalhos domésticos. Entre outros parceiros, a proposta ganha a adesão da administração municipal. Essa nova parceria será formalizada por intermédio da Secretaria de Assuntos Jurídicos, conforme entendimentos com o secretário Amadis de Oliveira Sá. Caberá à Secretaria de Assistência Social (através da Secretária Regina Penati), disponibilizar informações do cadastro social, contribuir no processo de seleção das mulheres e abrir espaços para realização das oficinas.

A Secretaria do Meio Ambiente disponibilizará mudas de ipê rosa, definirá locais e promoverá o plantio. O acordo é estabelecido com o Coordenador Cláudio Mura. Por sua vez, caberá à Secretaria de Comunicação junto ao secretário Homéro Ferreira, definr a divulgação das ações.

O prefeito Milton Carlos de Mello - Tupã - e a primeira dama Renata Mello, mobilizaram quatro secretarias a serem envolvidas no projeto num primeiro momento; sendo que as demais poderão contribuir em diferentes etapas e ocasiões. O Fundo Social, presidido por Renata, também é parceiro, assim como instituições como: a Fiesp, o Ciesp, Sincomercio, Sebrae, Associação Comercial e instituições de ensino superior, além de empresários apoiadores.

Para ajudar a custear o Projeto Ipê Rosa – espécie eleita pela BPW como um símbolo da beleza urbana prudentina serão desenvolvidas algumas ações. Entre elas está a produção de um livro de receitas de doces e salgados (já paginado), restando apenas imprimir. Com lançamento previsto para o dia 21 de setembro deste ano, o livro também oferece dicas sobre nutrição e o uso eficiente do gás de cozinha. As receitas são de fácil preparo, com as propostas de que valorizem a saúde, agucem o paladar e estimulem a arte e o prazer de cozinhar.

São objetivos voltados para fortalecer a cidadania das mulheres e de seus familiares; formar e capacitar profissionais autônomas focadas na autonomia, na qualidade dos produtos e na criação de alternativas para inserção no mundo do trabalho; bem como melhoria das condições sócio-econômicas, pessoais, sociais e comunitárias das mulheres e suas famílias. Os entendimentos da administração municipal com a BWP são mantidos constantemente. Maria Bernardete Meneguci Bôscoli, Maria Lúcia Ribeiro da Costa, Maria Doralaci Ângelo de Deus e Simone Costa e Souza, são as pessoas envolvidas nesse novo Projeto.


A reunião entre Mulheres de Negócios e Secretários Municipais foi conduzida pela 1a.dama do municipio de Presidente Prudente, Sra. Renata Mello.



Categoria: Informes
Escrito por Altino Correia - Repórter às 21h34
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




 
 

  MAIS DOIS GEOGLIFOS CHAMAM A
ATENÇÃO MUNDIAL PARA A AMAZÔNIA

MONTEZUMA CRUZ - (Especial para o Blog "Memórias de um repórter do interior")


PORTO VELHO (RO) – Nas valas, fotografando e estudando as peças encontradas, o farmacêutico e bioquímico Joaquim Cunha da Silva localizou dois novos geoglifos próximos à propriedade de Inácio Kusano e de seu filho Armando, em Nova Brasilândia do Oeste, a 50 quilômetros de Rolim de Moura, na Zona da Mata rondoniense. "Encontramos cerâmicas e pedaços de material lítico (machadinhas ou pedra de raio)", informou ontem o pesquisador. Imediatamente, comunicou o achado à diretora do Centro de Pesquisas e Museu Regional de Arqueologia de Rondônia, Maria Coimbra, sediado em Presidente Médici.

Impressionada com as fotos dos lugares e com as imagens de satélite, a diretora comentou que esses geoglifos se diferenciam – "São meio irregulares, mas são geoglifos" – daqueles acreanos, mas serão logo estudados. Com o georreferenciamento em mãos, cuida agora de informar ao Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional, ao mesmo tempo em que pedirá ao procurador da República em Ji-Paraná, Alexandre Senra, o aval para o pedido de registro em cartório, tal qual ocorreu com a Pirâmide do Condor e Via Látea, assim conhecidos, entre Rolim de Moura, Izidrolândia e Alta Floresta do Oeste.

A fazenda dos Kusano situa-se próxima das áreas visitadas, a 15 quilômetros de Nova Brasilândia (19 mil habitantes), a 660 quilômetros de Porto Velho, capital de Rondônia. "Notamos a presença de morros medindo mais de 450 metros de altura. A fazenda fica numa planície de 170 m, com terrenos de várzea", descreveu Cunha. "Sobre o chapadão existe um lago e na região toda a gente vê várias cachoeiras que poderão ser utilizadas para o turismo ecológico, desde que sejam devidamente conservadas", sugeriu.

De antigos moradores, Cunha ouviu que a região era rica em árvores frutíferas nativas, entre as quais cacau, genipapo, castanha, algodão nativo, urucum e jambu. Eles disseram que, ao arar a terra, encontram cerâmica e artefatos líticos. "Com as coordenadas geográficas no GPS buscamos o geoglifo 13, bem perto da fazenda de Inácio Kusano", explicou.

O Km 15 da Linha 13 Sul fica próxima ao distrito de Geasi, no municipio de Alta Floresta do Oeste (24,3 mil habitantes), situado a 3,30 km.

Numa altitude de 182m o geoglifo situa-se na Bacia do Rio Branco e sua água mais próxima chama-se Corgão. Mede cerca de 200 m de diâmetro, 100m de raio, sua área é de 3,13 hectares e a circunferência de 643m. As valas medem 4m por 1m de profundidade. O terreno foi mecanizado para pastagem com produção de leiras, a vegetação remanescente é formada por exemplares de palmeira ouricuri, popular bacuri.

Ouricuri: "telha" e alimento

Segundo a cacique Walda Wajuru, seu povo indígena usava as folhas da palmeira de ouricuri (Syagrus coronata) para produção de sal e para cobertura de suas ocas, que faziam parte do cenário amazônico ocidental até o final do século passado, quando suas terras foram invadidas por fazendeiros. E também se alimentava dos frutos.

Ouricuri ou licuri é nativa do Brasil (estados do Nordeste, norte de Minas Gerais e da Amazônia), chega a alcançar dez metros de altura. Especialistas dizem que seus frutos são comestíveis e de suas sementes pode-se extrair óleo vegetal.

Cunha notou que a mecanização da terra se deve à formação de pastagem. "A terra foi removida formando leiras, e isso provocou a destruição de potes de cerâmica que, se estivessem inteiros, serão ainda mais valiosos para os estudos dos usos e costumes de civilizações milenares que aqui estiveram", disse.

Já o geoglifo 17, no km 18,3 da Linha 17, em terras do fazendeiro Nelson Velho, também fica perto de Geasi, a 3,20 km do primeiro. Mede aproximadamente 270m de diâmetro,135 m de raio, 5,79 ha de área e 851,33m de circunferência. As valas têm aproximadamente 4m por 1 m de profundidade. Fica numa altitude de 186m, tem o Rio Branco como água mais próxima, a 155m.

O fazendeiro Nelson Kubo, em conversa com o engenheiro florestal da Secretaria Estadual do Meio Ambiente em Rolim de Moura, José NewtonAlves de Oliveira, explicou que o solo da região é de terra vermelha, não propícia à castanheira, ao contrário do solo amarelo, mas ácido. "A variedade encontrada na região parece que foi selecionada para dar frutos maiores, talvez influência da civilização que fez os geoglifos", opina Cunha.



Categoria: Informes
Escrito por Altino Correia - Repórter às 21h18
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




PROFESSORA MOSTRA SUA ARTE

 

Poucos sabem, mas Presidente Prudente reune um sem número de artistas plásticos que vive no mais completo ostracismo. Para sair do anonimato eles precisam de alguém que possa incentivá-los à prática de uma atividade que de certa forma, empolga a maioria das pessoas que se dedicam a criar novas idéias. E consequentemente produzir trabalhos admiráveis pela beleza das cores, estampadas em seus trabalhos de arte.

Uma dessas pessoas a que nos referimos é a Professora e Pedagoga, Ení Andrade – que através deste blog – vai nos mostrar seus maravilhosos trabalhos. Algumas dessas telas já foram mostradas em famosas exposições (do Brasil e do Exterior). A mostra mais recente verificou-se numa exposição de Artes Plásticas no Centro Integrado de Informação “Dr.Pedro Furquim”, de Presidente Prudente. Para quem não viu, vale a pena ver esses belos trabalhos, lembrando que D.Eni Andrade Gomes, filha de Ceciliano Andrade Jardim e de D.Mariana Soares Jardim, nasceu em 1935. É casada com o Sr. Euclides Gomes.

Ela fez cursos de óleo sobre tela durante o período em que freqüentava a Escola Normal no Instituto de Educação “Fernando Costa”, onde colou grau no Magistério. Formada em Pedagogia, nunca deixou a sala de aula, pois sempre foi apaixonada pela educação, especificamente a alfabetização. Recebeu aulas da Profª. e Artista Plástica, Teca Nardi; e se especializou em Campinas na técnica de transparência na pintura.

No mês de Outubro de 2002, D.Eni Andrade participou do VII Circuito Internacional de Arte Brasileira com três telas representando Pres. Prudente em Paris (França) e em Viena (Áustria), voltando ao Museu Nacional de Belas Artes do Rio de Janeiro. Participou também da 1a Exposição Itinerante de Pres. Prudente e já realizou várias exposições individuais em Prudente e algumas exposições coletivas em Campinas.

O número de telas que ela produziu até hoje é impossível calcular. Muitas telas que ela pintou estão espalhadas por várias cidades, estados e até países do exterior. Nos seus trabalhos de arte podem ser vistos: paisagismo e natureza morta – embora haja preferência pelos florais - onde pode dar tudo de sí, usando pouca tinta, o que resulta na suavidade da transparência.

A Professora e Pedagoga Ení Andrade Gomes, ao manifestar seu pensamento sobre o mundo em que vivemos, acrescenta: “Deus colocou em minhas mãos a pintura e a música (violão), para ocupar lindamente os espaços que ficaram vazios com a partida de três filhos, dos quatro que tivemos. E Deus nos deixou um filho grandemente amoroso; e nos deu uma nora e dois netos que são bênçãos do céu. Obrigada meu Deus por tuas maravilhas que nos inspiram sempre. Peço licença ao Nosso Criador, para através de tintas e pincéis com toda humildade, tentar passar para as telas um pouco das belezas que Ele graciosamente nos deixou, enfeitando colinas e planícies; e ainda, pincelando o céu com as cores do arco-íris."


A beleza dos girassóis, um trabalho da artista plástica Eni Andrade.


O desabrochar das flores, um espetáculo da natureza!


Flores de todas as espécies,nas telas pintadas por D.Eni.


Óleo sobre tela representa um aprendizado de longa data, desde o inicio da carreira.

Mais flores para ornamentar esta página do blog, na Internet desde 2007.


Nas cores e nas flores, as telas produzidas por D. Eni mostram muita beleza!


E aqui, novas idéias para demonstrar o aprendizado adquirido no decorrer dos anos.


Depois de tantas flores, devem aparecer os frutos, que aí estão nesta bela demonstração de cores.


Em cada trabalho de arte, um toque de bom-gosto e beleza. Seria a técnica transparente?


E para finalizar, D.Eni Andrade nos mostra outra tela maravilhosa que ela pintou recentemente.

 



Categoria: Fotos
Escrito por Altino Correia - Repórter às 18h57
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]


[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]


 
Meu perfil
Altino Correia, jornalista. Mais de 50 anos de atividades profissionais em Rádio, Jornal e TV. Ex-correspondente do Estadão, Folha, JB e O Globo (freelancer).


Menu
  Todas as Categorias
  Memórias de um Repórter
  Notícias
  Informes
  Fotos
Histórico
    Manutenção do Blog
    por André Fogaroli

    contato:
    cel: (18) 9712-4284
    email: andre.tec.informatica@uol.com.br
    Votação
      Dê uma nota para meu blog